10/09/2019 - Residentes do CEAD participam de atividade de autoconhecimento



Objetivo é promover o autocuidado para aperfeiçoar atendimento a pacientes

Residentes que atuam no Centro Estadual de Atenção ao Diabetes (CEAD) participaram, no dia 3 de setembro, do momento “Flow”, que visa levar aos residentes da unidade estratégias de autocuidado e de cuidados com os pacientes. A ideia é oferecer práticas integrativas. “Uma das coisas importantes é você saber cuidar do outro, mas principalmente aprender a se cuidar. Porque se você não estiver bem, você não vai ter condições de oferecer um cuidado bom ou de qualidade para seu cliente/paciente e a gente precisa que eles possam aproveitar o melhor dessa residência em tudo que lhe é oferecido, mas com qualidade de vida, que ele possa ter uma vida saudável”, diz a coordenadora da Comissão de Residência Multiprofissional (Coremu) do Hospital Estadual Alberto Rassi – HGG, Telma Noleto.

Ela pontua ainda que a atividade deve acompanhar o profissional por toda sua trajetória. “A intenção é que ele possa fazer da residência uma etapa prazerosa da sua vida e conseguir obter a maior informação possível para que possa levar o cuidado que ele vai ter, oferecendo aos outros clientes que ele vai ter depois da residência, com qualidade, eficiência, com técnicas adequadas, mas também ampliar esse conhecimento além do técnico”, conclui.

A psicóloga Tatiane Mendes, que aplicou o “momento flow”, explicou o que foi utilizado. “Hoje eu trouxe duas ferramentas de autoconhecimento. A gente entende que quando a gente se conhece melhor a gente vive melhor. Então trabalhamos com ele duas ferramentas, uma para a gente avaliar questões da personalidade e outra para a gente descobrir quais são as principais forças pessoais que a gente tem, que a gente usa na vida para dar conta das adversidades.”

Para os residentes, a iniciativa é uma oportunidade para aprender um pouco de si mesmo e poder usar isso no tratamento do paciente, como cita a residente em Fisioterapia Sávylla Sklabrynne Silva Costa. “Gosto bastante destes momentos flow. São oportunidades para aprendermos um pouco mais sobre o autocuidado, algo extremamente relevante, considerando que investimos tanto tempo para cuidar dos outros. Esse em específico foi muito interessante porque tratou do autoconhecimento. Eu acho que saber identificar nossos pontos fortes e fracos é o primeiro passo para o autocuidado, já que quanto mais me conheço, mais facilmente consigo identificar meus limites, aquilo que me faz bem e o que não faz. O importante agora é aprender a usar isso ao nosso favor.”




Quer receber notícias e novidades do Idtech diretamente no seu e-mail?

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

© IDTECH - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS